Xarás da ficção: The Walking Dead

by - julho 11, 2016

Meu nome é relativamente comum. Apesar de não estar entre os nomes mais populares (de acordo com o IBGE, é o 178º nome mais popular no Brasil hahah), não é difícil encontrar alguma Andrea por aí. Além disso, é um nome que existe no mundo inteiro - apesar de a Itália achar que é nome de homem, praticamente todo o resto coloca em mulheres.

Quando eu era criança, eu sempre queria achar alguma personagem que fosse minha xará - seja nos livrinhos, quadrinhos ou na televisão. Por isso, até hoje fico feliz quando encontro uma personagem com meu nome! Por conta dessa felicidade, resolvi fazer uma coluna aqui apresentando cada uma das minhas xarás da ficção!

The Walking Dead

Vamos começar pela última xará que eu conheci: a Andrea de The Walking Dead.


A personagem aparece logo no começo da série e tem um grande desenvolvimento com o tempo. Assim como eu, as personagem tinha relação com a área de direito antes do apocalipse zumbi. No seriado, ela já era uma advogada de sucesso, enquanto nos quadrinhos, ela ainda estava na faculdade.quando tudo aconteceu.

De início ela é insegura e não tem certeza do que está fazendo, mas vemos a personagem amadurecer bastante com o tempo. Ela se mostra uma mulher forte, com a determinação para fazer o necessário para combater os zumbis, se tornando rapidamente confiante com uma arma, e com uma ótima pontaria!

Quem acompanha a série de televisão, sabe que a Andrea dos quadrinhos teve um destino diferente - e hoje é uma das protagonistas das HQs, no papel de líder ao lado de Ricky. Eu, particularmente, não gostei do destino da personagem na televisão - não acho que, com a habilidade e experiência que ela adquiriu, as coisas aconteceriam daquela forma.

Leia também

0 comentários!

Seu comentário é muito importante! Obrigada por comentar, e aproveite sua visita!

* Os comentários são moderados, então dependem de aprovação para serem publicados.

O conteúdo do blog foi escrito e criado por mim, salvo quando sinalizado. Se for copiar, me avise e coloque os devidos créditos. As imagens e fotos, se não tiradas por mim ou criadas para o blog, foram retiradas, em sua maioria, do Pixabay. Caso seja de sua autoria, me avise para que eu coloque os devidos créditos!

Licença Creative Commons