Não Olhe!

by - junho 07, 2014

Nome: Não Olhe!
Autora: FML Pepper
Editora: Amazon
Páginas: 438

A resenha tem spoilers de Não Pare!


Antes de qualquer coisa, preciso explicar para vocês como realmente funciona o mundo em que vivemos. Nosso mundo é dividido em quatro dimensões, distribuídas em algo como se fosse um triângulo invertido. No topo, está o plano, a dimensão que nós, humanos, chamamos de céu. A ponta desse triângulo é o vértice, que nós humanos chamamos de inferno. As outras dimensões são o intermediário, onde vivemos, e Zyrk, que é desconhecida pelos humanos.

Os zirquianos foram condenados há muito tempo e, por isso, assumiram uma responsabilidade que ao mesmo tempo é fundamental e penosa: eles são responsáveis por manter o equilíbrio da população da segunda dimensão, ou seja, devem matar os humanos no momento em que for necessário. Além disso, a condenação deles limita seus sentimentos, de forma que estes nunca serão bons.

Até agora. Nina, a protagonista da nossa história, é uma híbrida, ou seja, ela é filha de uma humana com um zirquiano. E ela é a primeira do tipo que temos conhecimento. Somente uma híbrida consegue fazer com que um integrante da segunda dimensão sinta. Além disso, existem várias lendas sobre o que uma híbrida pode fazer: será que ela pode acabar com Zyrk? Será que consegue abrir os portões de volta do Vértice? Por conta disso, o futuro de Nina nunca foi tão incerto.

Após passar vários dias no deserto, acompanhada por John, o principal resgatador de Storm, um dos quatro clãs de Zyrk, Nina se vê no meio de uma luta e é salva por Richard, que a transporta para dentro da terceira dimensão. Lá, ela vai direto para o clã Thron, que é governado pelo tirano Shakur. Durante sua estadia em Thron, Nina fica em dúvida se realmente pode confiar em Richard, que aparenta ser o herói e o vilão de sua história.
"Constatações: 1) zirquianos não eram tão insensíveis assim; 2) Richard era um mulherengo; 3) Richard não valia nada; e 4) eu continuava insanamente atraída por ele."
Richard, porém, trai mais uma vez a confiança de Nina em um ponto que ela não pode suportar - e ela não sabe se vai conseguir acreditar em suas palavras mais uma vez. Após um evento que ela não consegue descrever, Nina foge de Thron e vai à Storm. Nina deve tomar grandes decisões e não pode se arrepender, não pode olhar para trás.
"Eu não espero que você me perdoe, Tesouro, mas vou fazer tudo o que estiver ao meu alcance para que um dia você volte a ter confiança em mim."


Não sei nem como começar a falar desse livro. Eu terminei "Não Pare!" querendo logo a continuação e terminei "Não Olhe!" da mesma maneira. Não sei como vou esperar tanto para saber como a série vai acabar!

Gostei muito de conhecer Zyrk (só pelas páginas do papel, não gostaria de conhecer ao vivo hahaha) e ver um pouco de sua cultura, ver como tudo é diferente do mundo que conhecemos. Realmente, parece um mundo bem medieval. Eu fiquei aflita por Nina e pela situação em que ela se encontra na maior parte do livro: ela era uma prisioneira sem mesmo ter feito nada. Somente por ter nascido do modo que nasceu.

Eu adorei conhecer um pouco mais sobre o passado de Richard e sobre o que ele representa para a sua dimensão. Ainda estou confusa se gosto ou não dele. Mas deu para perceber que o zirquiano tem bons sentimentos quanto à Nina - e fará mesmo de tudo para que ela fique segura. Mesmo que isso signifique matar, trair - e até fazer com que a garota perca a confiança nele.

Também adorei conhecer John, um dos poucos zirquianos que não aparentava brutalidade, mas sim compreensão. Ele também passa a nutrir bons sentimentos por Nina - e também se compromete a fazer o que ele julgar necessário para que Nina fique segura. Eu achei o personagem muito fofo e fiquei feliz de ter tido a oportunidade de conhecê-lo melhor.

Agora... O que foi aquele final? Não consigo imaginar quem leia aquilo e consiga dormir tranquila sem imaginar o que vai acontecer depois! Nina se mostrou ser ainda mais forte do que eu imaginava e com certeza vai provar que é realmente durona quando precisa e que é alguém especial para Zyrk. Vale muito a pena ler!

Leia também

9 comentários!

  1. Nossa, já tinah lido algumas resenhas de Não pare, mas essa foi a primeira resenha que li de Não olhe. Fiquei muito curiosa pra conhecer esse mundo intermediário. E pra conhecer os poderes da híbrida Nina e todo o seu envolvimento com Richard.

    Bjok

    ResponderExcluir
  2. Showwwwwwww!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Ameeeeeeeeei sua resenha, Andrea!
    Ficou linda, minuciosa, perfeita!!!!
    Muito obrigada!
    Pepper

    ResponderExcluir
  3. AHHHHHHHHHHHHH!!
    Déia!! Eu fiquei doooooidaaa com esse final! Como assim acabou? Preciso de mais!! Gente! E deu ressaca! Eu não conseguia tirar o livro e a dor de mim!
    Porque eu acho que ele também tem uma carga emocional muito forte, ele faz a gente embarcar e sofrer com eles. E livros com romances complexos assim são meus preferidos, por isso mesmo que NÃO OLHE! entrou para a lista deles. E também babei na mitologia que a Pepper criou. Parece tão metafórica... *-* o amor como salvação.. como esperança.. é lindo! Claro que tinha que ser preferido.
    Beijos!!
    http://vivianpitanca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. nossa é a primeira vez que vejo falar desse livro..... fiquei curiosa. bjsss


    http://www.blogdacividini.com/2014/06/resenha-base-timewise-mary-kay.html

    ResponderExcluir
  5. Oi Deia...
    Li não pare e fiquei agoniada, como assim?!
    Estou adiando a leitura de Não Olhe porqie já sei que também acaba do nada... E vou sofrer ate lançar o outro!!
    Eu amo Richard, adoro esse jeito dele, afinal, ninguem é totalmente bom ou totalmente mau!

    Beijinhos
    Sou eu... Pri!

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li Não Pare! por motivos de força maior ($$$), mas tô super curiosa pra ler :(((
    Pela sua resenha Não Olhe também parece tão bom quanto, mas vou esperar ter grana pra poder comprar os dois de uma vez ^^

    ResponderExcluir
  7. Eita! Me empolguei com a história das dimensões e acho que levei um pequeno spoiler do primeiro livro. #ShameOnMe Bom, fiquei mais interesssante ainda, agora que entendi de onde vem a pegada sobrenatural da trilogia.
    Beijo, Deia!
    Daniela Martins
    https://www.facebook.com/daniela.martinsfonseca/posts/777052152339478

    ResponderExcluir
  8. Só de ler a resenha já estou mega curiosa. Esse é o meu problema com resenhas, sinopses e tal, eu fico agoniada querendo os livros, rs.
    Eu quero muito ler essa trilogia e espero que isso aconteça em breve.
    Beijos <3

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante! Obrigada por comentar, e aproveite sua visita!

* Os comentários são moderados, então dependem de aprovação para serem publicados.

O conteúdo do blog foi escrito e criado por mim, salvo quando sinalizado. Se for copiar, me avise e coloque os devidos créditos. As imagens e fotos, se não tiradas por mim ou criadas para o blog, foram retiradas, em sua maioria, do Pixabay. Caso seja de sua autoria, me avise para que eu coloque os devidos créditos!

Licença Creative Commons