A Pele que Habito

by - fevereiro 15, 2013


O filme conta a história de Roberto, um cirurgião plástico que perdeu a mulher e, desde então, se dedica a construir a pele perfeita, que resiste a dor. Por mais que negue, por meio dessa experiência, o médico procura criar sua falecida esposa por meio da ciência.

Acrescenta-se, ao drama, o fato de a mulher ter se suicidado após ter cisto o Estado em que se encontrava e de sua filha ter sido estuprada - e culpá-lo por isso, uma vez que ele estava por perto quando acordou. Isso faz com que ela tenha o mesmo destino de sua mãe.

Doze anos após a morte de sua esposa, ele consegue criar a pele - e, para isso, o cirurgião atravessa diversos campos proibidos que muitos exitariam em cruzar. Roberto, inclusive, faz coisas inimagináveis, que muitos não conseguiriam nem pensar - realmente, coisas que somente loucos insanos e psicopatas (sem brincadeira) fariam.


O filme é muito pesado, como muitos de Almodóvar, com cenas pesadas de violência (principalmente sexual). Eu não sou grande fã do diretor, e esse filme não me fez mudar de ideia, mesmo tendo partes que me chamaram a atenção.

*spoiler*

É engraçado pensar, porém, no fato de um cara ser forçado a se tornar uma mulher. Ser obrigado a usar maquiagem, a usar vestidos e agir como uma mulher.

*fim do spoiler*

O que me atraiu foi a ideia da história: um homem querendo dar uma de criador de Frankstein e procurando criar algo para deixar os humanos mais perfeitos - com uma pele que faria com que sua mulher não se suicidasse e que qualquer pessoa que estivesse no lugar dela não ficasse deformada como ela ficou.

Para aqueles que gostam dos filmes do Almodóvar, podem assistir que com certeza o filme é uma de suas obras primas (juntamente com Volver). Para os que não são grande fãs da loucura do diretor, é interessante para conhecer a história - mas com certeza não é um filme essencial para sua vida. 

Leia também

10 comentários!

  1. Esse filme é sensacional!
    Amei a dica!
    Vale a pena!Beijos
    Rizia - Livroterapias
    http://livroterapias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apesar de achar bizarro, também gostei do filme!

      Excluir
  2. Uau esse filme parece ser meio sombrio né, mas acho que vou dar uma chance e assisti-lo.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filme é bem sombrio, mas vale a pena conhecer!

      Excluir
  3. Já vi esse filme e tipo NUNCA esperava aquele final :o
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Esse é aquele tipo de filme que uns amam e outros odeiam...mas que surpreende isso concordo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu recomendo mais pela 'surpresa' do que por qualquer outra coisa! Esse é o toque diferencial!

      Excluir
  5. assisto qualquer filme que o antonio banderas apareça, eu AMO ele!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é ótimo ator! Mas o filme é muito estranho! Bizarro!!!

      Excluir

Seu comentário é muito importante! Obrigada por comentar, e aproveite sua visita!

* Os comentários são moderados, então dependem de aprovação para serem publicados.

O conteúdo do blog foi escrito e criado por mim, salvo quando sinalizado. Se for copiar, me avise e coloque os devidos créditos. As imagens e fotos, se não tiradas por mim ou criadas para o blog, foram retiradas, em sua maioria, do Pixabay. Caso seja de sua autoria, me avise para que eu coloque os devidos créditos!

Licença Creative Commons