O Homem Árvore

by - março 01, 2010

E um belo dia lá estava eu, entediada, procurando algo interessante para ver na televisão. Até que, passando pelo Discovery Channel vejo algo que parece interessante. Um homem que mais parecia uma árvore. Como alguém poderia ser assim? Fiquei interessada no programa, mas, logo percebi que era só uma propaganda. E, mesmo querendo ver “A Cura do Homem Árvore”, eu não conseguiria. Por isso, resolvi fazer uma pesquisa, e descobrir o que conseguisse sobre essa doença.


A doença ocorre através da infecção do Papiloma Vírus Humano, o HPV, que normalmente causa verrugas. Mas, no caso do Homem Árvore, uma falha genética impede seu corpo de conter a multiplicação das verrugas.

O programa do Discovery mostra a história de Dede, um pescador de 36 anos da Indonésia, que contraiu o vírus através de um corte no joelho e ficou 20 anos sem saber o que havia de errado com ele. Depois de ter sido abandonado pela mulher e tendo de sustentar seus dois filhos, Dede começou a participar de Circo de Horrores. O renomado dermatologista americano Dr. Anthony Gaspari se interessou pelo caso e conseguiu diagnosticar o pescador, que final-mente foi tratado.

Outro caso da mesma doença foi relatado na Europa Oriental. O menino de 14 foi encontrado por um missionário, que passou a o ajudar, cortando as partes de sua pele que cresciam. Agora com 38 anos, o homem continua sofrendo com os crescimentos, mas parte deles se cauterizou – ainda assim continua com 15 camadas de pele no rosto e tem uma verruga na orelha.

Fontes: [1], [2], [3], [vídeo]

Leia também

1 comentários!

  1. imagine encontrar alguém assim na rua? é claro q temos certo preconceito com algo tão diferente como esse caso descrito, mas é bonito ver qndo se dedicam a entender qual é a doença ou condição da pessoa e buscam uma solução/melhoria pra tornar a vida do "doente" mais simples e...normal

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante! Obrigada por comentar, e aproveite sua visita!

* Os comentários são moderados, então dependem de aprovação para serem publicados.

O conteúdo do blog foi escrito e criado por mim, salvo quando sinalizado. Se for copiar, me avise e coloque os devidos créditos. As imagens e fotos, se não tiradas por mim ou criadas para o blog, foram retiradas, em sua maioria, do Pixabay. Caso seja de sua autoria, me avise para que eu coloque os devidos créditos!

Licença Creative Commons