O Diário de Anne Frank

by - novembro 27, 2013

Livro: O Diário de Anne Frank
Autora: Anne Frank
Editora: Livros do Brasil


O Diário de Anne Frank narra a história de uma garota durante pouco mais de dois anos. Não seria diferente de outros diários de adolescentes de 13 anos, mostrando todas as preocupações da fase, mas Anne é judia. E vive o período da Segunda Guerra Mundial.

Pouco depois de completar 13 anos, a garota se viu obrigada a se esconder, junto com sua família e outros judeus, em um pequeno anexo localizado no ex-escritório de seu pai, quando os nazistas invadiram Amsterdã, na Holanda. 

Ao longo de seu diário, Anne se preocupa em relatar seu cotidiano. Um cotidiano regado ao medo, à insegurança e à falta de liberdade. Ela mostra suas percepções sobre o mundo, sobre o que está acontecendo do lado de fora, sobre as pessoas com quem convive diariamente e sobre o que está sentindo.

Anne viveu no anexo por pouco mais de 2 anos, junto com sua família e mais alguns judeus. Ela amava e admirava seu pai, sempre conflitava com sua mãe, e encontrou lá o seu melhor amigo - e por quem passou a ter sentimentos mais fortes-, Peter

A garota já escrevia antes de ir ao anexo, contando sobre seu dia-a-dia pouco antes de fugir. Mas, após ouvir na rádio um incentivo à documentação dos eventos ligados à guerra, se dedicou ainda mais, sentindo que, talvez, pudesse contar sua história para as próximas gerações.


O diário foi publicado em 1947, por Otto Frank, o pai que Anne tanto amava. Ele lutou para realizar o sonho da filha, que morreu no campo de concentração, provavelmente em fevereiro de 1945.

Parte do diário oficial. Foto: reprodução.

Posso afirmar, sem dúvidas, que esse foi um dos livros que mais me abalou. A história, em si, já é triste. Sempre que lembrava que era real e que tudo o que Anne narrou realmente aconteceu, lágrimas apareciam em meus olhos. O pior de tudo é saber que aquelas pessoas ficaram mais de dois anos trancadas, sem sair do lugar, para depois serem pegas e irem para o Campo de Concentração. 

Anne é uma garota cativante, de personalidade e opiniões fortes. Para alguém que estava vivendo na situação dela, ela foi realmente uma guerreira. Aceitou a situação, percebeu que aquilo era o melhor para ela, e conseguiu fazer o máximo para sobreviver àquilo - mesmo sabendo quão absurdo era. Ela amadureceu tremendamente durante seu período no anexo - e cresceu muito como pessoa.

O pai de Anne foi muito inteligente em perceber a situação política que estava vivendo e conseguir o esconderijo, para proteger sua família. Tenho certeza que não foram muito que tiveram tal visão. E, realmente, o plano tinha tudo para dar certo. Uma pena que não deu. Por pouco. Por tão pouco! 

Não consigo acreditar que as pessoas tenham realmente concordado com essa decisão absurda de que alguém deve ser exterminado apenas por suas crenças. É uma coisa totalmente irreal. Só de imaginar passar por alguma situação parecida me deixaria aflita.

Enfim... Eu recomendo o livro. Mas você tem que ser forte - e se preparar psicologicamente para sentir suas emoções à flor da pele. 

Quotes
Apesar de tudo, eu acredito na bondade humana.
Os pais somente podem dar bons conselhos e indicar bons caminhos, mas a formação final do caráter de uma pessoa está em suas próprias mãos.
O papel tem mais paciência que as pessoas. 
 Veja o site oficial aqui.

Leia também

12 comentários!

  1. Eu tive o prazer de ler esse livro, primeiro pela carga emocional, segundo porque a Segunda Guerra Mundial sempre foi meu tópico preferido nas aulas de história. Não acredito muito nas justificativas de Hitler para perseguir os judeus, pondo a culpa na religião, os culpando pela morte de Jesus - já que na época foram os judeus que decidiram pelo sacrificio de Jesus - a Alemanha vivia um tempo de crise e os judeus tinham as maiores riquezas nas mãos, pra mim, tudo passou de uma desculpa para lhes roubarem tal riqueza

    Ler o Diario de Anne Frank foi uma das mais incriveis experiencias de leitura que já tive, e assim como você, eu super recomendo essa leitura

    http://pequenamiia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, não dá para entender como concordaram com ele! É realmente uma experiência de leitura ótima!
      Beijos!

      Excluir
  2. Esse é um daqueles livros que todos deveriam ler!
    Amei os quotes!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  3. Estou há um bom tempo querendo ler esse livro. Todos comentam sobre ele, e parece ser realmente incrível. Porém, estou com medo de não aguentar a carga, de o livro ser triste demais e eu me sentir mal depois...
    Ainda assim, tentarei ler.
    Um abraço,
    Dayenne Vieira.

    http://um-momentoasos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente o livro tem bastante carga emocional, mas acho que vale a pena ler! Qualquer coisa, se não conseguir agora, guarda para ler depois!
      Beijos!

      Excluir
  4. Realmente esse livro é incrível e muito comovente! Sem dúvida inesquecível... Li bem novinha e ele me marca até hoje!

    Bjs, Isabela.
    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ainda não tinha lido, realmente é um livro que marca!

      Excluir
  5. Estou com "Os colegas de Anne Frank", mas acho que ainda não consigo ler este ano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conhecia esse livro! Vou dar uma pesquisada sobre ele!

      Excluir
  6. Eu quero muito ler esse livro. Sério, há séculos que cobiço ele.
    Adorei a resenha. Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também fiquei muito tempo o desejando! Valeu a pena! (:
      Beijos!

      Excluir

Seu comentário é muito importante! Obrigada por comentar, e aproveite sua visita!

* Os comentários são moderados, então dependem de aprovação para serem publicados.

O conteúdo do blog foi escrito e criado por mim, salvo quando sinalizado. Se for copiar, me avise e coloque os devidos créditos. As imagens e fotos, se não tiradas por mim ou criadas para o blog, foram retiradas, em sua maioria, do Pixabay. Caso seja de sua autoria, me avise para que eu coloque os devidos créditos!

Licença Creative Commons