Foz do Iguaçu!

by - agosto 17, 2013

Se você gosta de belezas naturais, pode programar uma viagem para Foz do Iguaçu! As cataratas são maravilhosas! Você vê natureza por todo canto, vários quatis, aves muito bonitas, como o tucano, entre outros! Ainda mais: você consegue ver as cataratas por mais de um país. A fronteira entre o Brasil e Argentina pode ser atravessada a pé e, ainda, você pode parar para ir num dos maiores free-shops que eu já fui! 

Lado argentino
Lado brasileiro

O parque argentino é maior - e dá desconto para os cidadãos da Mercosul! Então, é bom separar pelo menos um dia inteiro para conhecer (e vá descansado, porque você vai andar muito!). O parque brasileiro é mais bonito - a vista é maravilhosa, mas dá para ver tudo em uma tarde!

Uma dica: se você for para lá, vale a pena ir no verão, quando a vazão de água é maior e as cataratas ficam ainda mais cheias e bonitas! 

As cataratas
As cataratas do Iguaçu têm 19 principais saltos, sendo 5 deles do lado brasileiro. A maior parte deles é no lado argentino, mas virados para o Brasil - o que causa a vista mais bonita para quem vê daqui!

Em tupi-guarani, a palavra "Iguaçu" significa "Água Grande" - e não é a toa. As quedas variam entre 40 e 80 metros de altura e as cataratas alcançam uma largura de 2980 metros, espalhados entre Brasil e Argentina.

História
Até 1916, a área do Parque Nacional do Iguaçú pertencia a um uruguaio. Imagina uma só pessoa ter toda aquela área?! É até injusto uma vista tão bonita não ser 'aberta ao público'! Foi neste ano que Santos Dumont, o pai da aviação, passou por lá. E, junto ao então governador do Paraná, intercederam para que a área fosse desapropriada e tornada um patrimônio Público. E, em 1939, o presidente Getúlio Vargas ampliou a área do parque para mais de 100 mil hectares (antes tinha apenas 1008!).

Maravilha natural


As cataratas do Iguaçu foram eleitas uma das 7 maravilhas naturais do mundo, eleitas em 2007, juntamente com a Amazônia. A competição contava com maravilhas como o Monte Kilimanjaro, na Tanzânia, o Mar morto, no Oriente Médio, e a Floresta Negra, na Europa.

Confira algumas fotos!
A entrada do parque brasileiro
A vista do lado brasileiro (não reparem, estava calor!)
Vista das cataratas pela Argentina (estava muito quente, não reparem!)
Vista de cima das cataratas, do lado Argentino. Ao fundo, restaurante no Brasil! (foto minha)

Quatis pedindo comida! (foto minha)
Borboleta que encontrei no parque (foto minha)
Pássaro que encontrei no parque (foto minha)

Acesse os sites oficiais para saber mais: [1], [2]

Leia também

8 comentários!

  1. Que legal, Andrea! Sempre tive vontade de ir nas cataratas e pra Argentina também. Quem sabe um dia... rs.
    Está tendo uma gincana no meu blog valendo vários prêmios incríveis, entre eles, um layout blogger! Participe! http://www.odomdaescrita.com.br/2013/08/1-dicas-de-espertalhao-titulo-do-blog.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale muito a pena! E ir para a Argentina lá em Foz é muito fácil, só mostrar seu RG e você atravessa a fronteira (pode atravessar até a pé!)
      Eba! Vou participar da gincana! (:
      Beijos!

      Excluir
  2. Oi, Andrea!

    Hahaha, realmente, as Cataratas são lindas! Eu nasci aqui e moro desde então, porém, não gosto muito daqui rs

    Beijo!
    http://viciadas-em-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque não gosta?! Eu adorei a visita! Deve ser divertido morar tão perto de outros países!
      Beijos!

      Excluir
  3. Uau, que legal! Lindas as fotos, Deia! Esse passarinho é perfeito demais! *-*
    Bjão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lindo, né? Obrigada, que bom que você gostou das fotos!

      Excluir
  4. moro em Foz e sou apaixonada por aqui.
    Beijocas!!!

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante! Obrigada por comentar, e aproveite sua visita!

* Os comentários são moderados, então dependem de aprovação para serem publicados.

O conteúdo do blog foi escrito e criado por mim, salvo quando sinalizado. Se for copiar, me avise e coloque os devidos créditos. As imagens e fotos, se não tiradas por mim ou criadas para o blog, foram retiradas, em sua maioria, do Pixabay. Caso seja de sua autoria, me avise para que eu coloque os devidos créditos!

Licença Creative Commons