Livros brasileiros que viraram filmes!

by - agosto 24, 2012


Outra blogagem coletiva no ar! Dessa vez, o grupo do Facebook “Blogueiros Amigos” fez uma votação com o intuito de todos nós postarmos alguma coisa juntos – e o tema foi regionalismo. Então, como adoro falar sobre livros e filmes, decidir falar sobre alguns livros do regionalismo brasileiro que se tornaram filmes!
O regionalismo é composto por aquela literatura que tem como foco alguma região do Brasul, analisando-a. Surge no século 19, por meio de obras de autores como José de Alencar. Os melhores textos foram escritos no século 20, com Graciliano Ramos, Érico Veríssimo, etc.
Percebemos que vários dos livros famosos que mostram bem o regionalismo no Brasil foram, inclusive transformados em filmes – muitos deles disponíveis gratuitamente no YouTube, nessa página aqui 

 A Escrava Isaura, Bernardo Guimarães

Onde se passa: Rio de Janeiro.
Aqui há uma crítica clara à escravidão. Nessa época já havia grande adesão à causa abolicionista, mas, mesmo assim, a protagonista é branca – não havia possibilidade de uma negra protagonizar um romance. Em 1976/77, na globo, e, novamente, em 2004, na record, “A Escrava Isaura” foi transformada em novela, que fez sucesso em vários outros países.


Inocência, Visconde de Taunay

Onde se passa: Serão do Mato Grosso
O livro, escrito em 1872, é ambientado num cenário com costumes sertanejos: Inocência está com casamento arranjado programado, mas se apaixona por outro que não é seu noivo. O filme foi produzido 110 anos depois, em 1982, com a atriz Fernanda Torres como protagonista.


Capitães da Areia, Jorge Amado

Onde se passa: Salvador, Bahia.
O livro foi escrito em 1937 e o filme foi feito ano passado. O livro trata de meninos abandonados que vivem na Bahia – e mostra bem a paisagem e a vida que esses garotos vivem. Não assisti o filme, mas li algumas resenhas que disseram que não compensa, já que é muito mais fraco e menos intenso que o livro.


Um certo capitão Rodrigo, Erico Veríssimo
Onde se passa: Santa Fé, Rio Grande do Sul.
O livro é extremamente bom (pretendo fazer uma resenha sobre ele algum dia). Fala sobre um forasteiro, vindo de uma das guerras que lutou, chega a uma pequena cidade, onde vive Bibiana. O capitão, boêmio, tenta conquistar o coração da menina, além de enfrentar os ‘valentões’ da cidade. O filme foi feito em 1971 – eu ainda não vi, mas está na minha lista. Vale, ainda, ver a trilogia “O tempo e o vento”, do mesmo autor, que mostra bem o Rio Grande do Sul e a cultura de sua população na época. 

E aí, gostaram?  Tem mais algum livro que virou filme que vocês acham que valha a pena assistir (e ler)?

Leia também

8 comentários!

  1. juro que não vi e nem li nenhum desse :D mas valeu pela dica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dentre eles o que eu mais gostei foi "Um certo capitão Rodrigo", mas o mais fácil de ler é "Capitães da Areia" (que é muito interessante!)

      Excluir
  2. A dica valeu a pena, mas o que mais me chamou a atenção foi o da Escrava Isaura.História um "tanto" diferente ;)
    seguindo aqui andrea
    http://amaralstarlight.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Faltou Vidas secas, o filme conseguiu extrair a beleza e a dor da seca presente na obra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo, fico devendo "Vidas Secas"! Eu adorei o livro, mas não cheguei a ver o filme... Vou pegar um dia para assistir!

      Excluir
  4. Daí, eu só li uma versão quase infantil de Escrava Isaura... E só li porque é o nome da minha irmã! =P
    Não sou chegada a literatura clássica brasileira... Mas assisti uma boa parte de um filme baseado em uma obra, acho que era A moreninha. Tava passando na TV Cultura, era P&B, mas era muito bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vi no seu post que vc não é muito fã da literatura clássica brasileira, né? Eu não gostava muito quando era obrigada a ler um desses livros para a escola - o único que eu li para escola e acabei gostando foi "Capitães da Areia"!
      Os outros eu só estudei um resuminho na escola e li por interesse mesmo hahaha
      Nunca assisti o filme de "A Moreninha", mas a história pareceu ser interessante (e uma baita de uma coincidência hahaha)

      Excluir
  5. Vixi, acreditas que tbm não li nenhum desses? Mas sou louca pra ler "Inocência", parece muito bom!

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante! Obrigada por comentar, e aproveite sua visita!

* Os comentários são moderados, então dependem de aprovação para serem publicados.

O conteúdo do blog foi escrito e criado por mim, salvo quando sinalizado. Se for copiar, me avise e coloque os devidos créditos. As imagens e fotos, se não tiradas por mim ou criadas para o blog, foram retiradas, em sua maioria, do Pixabay. Caso seja de sua autoria, me avise para que eu coloque os devidos créditos!

Licença Creative Commons