Divergente (filme)

by - abril 27, 2014

Dados Técnicos
Nome original: Divergent
Diretor: Neil Burger
Ano: 2014
Gênero: Distopia
País: Estados Unidos
Tempo: 2h19
Distribuidora: Paris Filmes
Na futurística Chicago, quando a adolescente Beatrice (Shailene Woodley) completa 16 anos ela tem que escolher entre as diferentes facções que a cidade está dividida. Elas são cinco, e cada uma representa um valor diferente, como honestidade, generosidade, coragem e outros. Beatrice surpreende a todos e até a si mesma quando decide pela facção dos destemidos, escolhendo uma diferente da família, e tendo que abandonar o lar. Ao entrar para a Dauntless, ela torna-se Tris e vai enfrentar uma jornada para afastar seus medos e descobrir quem é de verdade. Além disso, Tris conhece Four, um rapaz mais experiente na facção que ela, e que consegue intrigá-la e encantá-la ao mesmo tempo.



Quem me acompanha há um tempo, sabe que eu sou super fã de “Divergente”! Desde que eu soube que fariam um filme, venho acompanhando as novidades e ficando cada vez mais ansiosa para assistir logo o filme! Assim que divulgaram o elenco, já coloquei aqui, e fiquei bastante feliz com a escolha da Shailene e do Theo, que não decepcionaram.

O filme é bem fiel ao livro: Tris sai da Abnegação e vai para a Audácia, onde tem que passar pela difícil iniciação e lidar com as constantes ameaças à si mesma, tendo em vista que ela é Divergente, ou seja, não pode ser controlada facilmente. Durante sua iniciação, Tris conhece Quatro, seu instrutor; Christina, que se torna sua melhor amiga; Peter, que se torna seu inimigo; além de muitas outras pessoas. Para saber mais sobre a história do filme, leia a resenha do livro!






Confesso que senti falta de algumas cenas. Tris não faz algumas de suas tatuagens (os símbolos da audácia e da abnegação no ombro), e parece que escolheu as andorinhas aleatoriamente. Os membros da Audácia ficaram um pouco apagados, já que o filme focou na Tris e o Quatro. Peter não parece tão ameaçador como eu o senti no livro, e eu não vi a amizade fortalecida que existia entre a Tris e a Chris. Também senti falta do Edward, que mal é citado, e do Uriah, que não aparece. As cenas que foram acrescentadas também foram essenciais para ajudar os que não leram o livro a entenderem melhor o enredo.

Mesmo assim, eu adorei o filme. A atuação do casal protagonista foi ótima. Shailene me convenceu como Tris, e conseguiu me passar as emoções e conflitos que a personagem demonstra no livro. Theo conseguiu mostrar o lado sensível e o lado rude de Quatro, e a química dos dois estava ótima, mesmo com poucas cenas de romance! Também achei que Kate Winslet ficou ótima como Jeanine Matthews, agindo exatamente como eu imaginei que ela agiria.

A trilha sonora também merece destaque. Hans Zimmer realmente não brinca em serviço. As cenas estão perfeitamente sincronizados, nos passando as emoções certas nos momentos devidos. As músicas escolhidas também são ótimas, e incluem “Beating Heart”, da Ellie Goulding, que foi feita especialmente para a adaptação.

Eu recomendo o filme, sem dúvidas. Mal espero para assistir “Insurgente” (adoro as cenas da Tris na Amizade), que será lançado em maço de 2015, e “Convergente”, que será dividido em duas partes, que serão lançadas em 2016 e 2017.  


Quer ganhar ingressos para assistir ao filme? Não deixe de participar da promoção e concorrer a 5 pares de ingressos! Clique aqui e participe!



Leia também

16 comentários!

  1. Muito pertinente encontrar este post... Pretendo assistir hoje. Espero que seja bom como você defendeu. rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Deeiaa =DD
    Ahhrgg eu tenho que ver esse filme mas quero mto ler primeiro!
    Todo mundo sempre fala tãão bem dessa serie!!
    Ameei!
    Bjoos sua linda <33
    http://chacombolacha.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pooxa, como você ainda não leu? Leia assim que tiver chance, vale a pena!! :D
      Beijos!

      Excluir
  3. Naaaaaaaaaaao Beating Heart é chato demaaaaaaaaaais. Ainda mais quando ela dá aquele agudo no Beeeeeeeeeeeeeating. É de morrer. Sério. Shay não me convenceu como a Tris. Ela é a Hazel, não adianta. Fofinha demais. Também senti falta do Uriah. Achei que a Kate Winslet está em todas as cenas porque ela é quem é. Desnecessário. Assim como é desnecessário o filme não te surpreender a respeito da Erudição. O filme é bom por que passa o que tem que passar, mas tá longe de ser uma adaptação memorável

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho a voz da Ellie Goulding estranha, confesso hahahaha
      Ela é muito fofa, mesmo! Mas gostei dela como a Tris!
      Com certeza a Jeanine se destaca mais por causa da atriz que a interpreta!
      Beijos!

      Excluir
  4. Eu amei o filme tbm, e apesar de não ter alguns detalhes foi bem fiel ao livro. Tbm não senti o Peter tão ameaçador quanto era no livro, já o Eric achei ele pior no filme que no livro kkkkk e a parte das tatuagens foi a que senti falta tbm, mas no geral foi ótimo, mal posso esperar por Insurgente!
    Beijo!
    http://booksmanybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também achei ótimo, apesar das modificações! Você sente falta de algumas coisas, mas nada que seja tão marcante, né?
      Beijos!

      Excluir
  5. Acredita que ainda não tive a oportunidade de ler? Vou ver o filme que pela sua resenha aprece ser muito bom :D Espero não me sentir tão perdida ><

    http://cicatrizesliterarias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não leu? Com certeza vale a pena, Mika! Leia quando tiver a oportunidade!
      Meu namorado não leu e entendeu o filme, acho que dá para entender, viu?
      Beijos!

      Excluir
  6. Oi Andrea.
    Acredita que ainda não li o livro? ):
    Quero ver se compro antes de ir no cinema ver o filme.
    Fico feliz que o filme não tenha sido muito diferente.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia assim que tiver chance!
      O filme é bem fiel, apesar de alguns detalhes...
      Beijos!

      Excluir
  7. Eu vi o filme ontem e falo: PORQUE DIRETORES E ROTEIRISTAS DE PERCY JACKSON, ERAGON, TMI E DERIVADOS NÃO FIZERAM IGUAL ESSE FILME?

    Ai o final, tudo, muito perfeito

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito ruim quando o filme muda completamente a história do livro, né? Uma pena!
      Ainda bem que com Divergente não foi assim <3
      Beijos!

      Excluir
  8. É bom saber que mesmo não tendo lido ao livro, conseguirei entender a história.
    Acho que no inicio da próxima semana conseguirei ver o filme, vamos ver ^^

    Abraços
    Vivi

    ResponderExcluir
  9. Olá Deia,
    ainda não pude ver o filme, mas estou bem ansioso. Quanto as cenas, não acho que o filme tem que ser 100% pq é quase impossível, mas n retirando sua esencia já está ótimo. Agora minha vontade de assistir aumentou T.T
    Super Abraço!

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante! Obrigada por comentar, e aproveite sua visita!

* Os comentários são moderados, então dependem de aprovação para serem publicados.

O conteúdo do blog foi escrito e criado por mim, salvo quando sinalizado. Se for copiar, me avise e coloque os devidos créditos. As imagens e fotos, se não tiradas por mim ou criadas para o blog, foram retiradas, em sua maioria, do Pixabay. Caso seja de sua autoria, me avise para que eu coloque os devidos créditos!

Licença Creative Commons